AI WEIWEI: SEM PERDÃO (Crítica)

Davi Gonçalves

Ai Weiwei é um dos nomes mais famosos e importantes da China contemporânea, atuando em diversas plataformas como designer arquitetônico, pintor, artista plástico, entre outros. Mas é como ativista social que Ai Weiwei ganhou notoriedade nos últimos anos, tornando-se objeto de estudo do documentário Ai Weiwei: Sem Perdão.

Dirigido por Alison Klayman, Sem Perdão nos apresenta um eficiente panorama sobre a multifacetada obra de Ai Weiwei, bem como suas ideias e posicionamentos políticos – estes últimos que o transformaram em uma verdadeira celebridade em sua terra natal. Em uma nação onde a população é controlada e o país é governado por um regime com punhos de ferro, sua arte transcendeu seu “lugar comum”. Sem medo de falar, Ai Weiwei é um símbolo da luta pela liberdade de expressão: vigiado, preso, com bens confiscados e um estúdio recém-construído devastado pelas autoridades locais, o artista chinês critica fortemente os valores da China atual utilizando sua arte como voz de protesto contra as artimanhas do sistema.

AI WEIWEI: SEM PERDÃO (Crítica)

O documentário ressalta ainda a importância da internet na atualidade como mecanismo de expressão e organização de ideias, sobretudo através das redes sociais, dado o alcance dessas mídias. Mas principalmente Ai Weiwei: Sem Perdão levanta um debate necessário sobre o que, de fato, é arte e qual a sua função. Em uma época de repressão intensa, parecemos regredir a cada dia em vários aspectos e a arte sofre com isso. Vemos exposições canceladas, artistas reprimidos, museus fechados – enfim, manifestações artísticas são interrompidas em nome de um falso moralismo que vem contaminando as sociedades (e, curiosamente, também é bastante fomentado dentro da própria internet). A arte, no entanto é muito mais do que simples entretenimento: ela é um poderoso instrumento capaz de promover a transformação do homem em um ser superior e, consequentemente, abrir caminho para um futuro melhor.

Pôster de divulgação: AI WEIWEI: SEM PERDÃO

Pôster de divulgação: AI WEIWEI: SEM PERDÃO

SINOPSE

Ai Weiwei é um artista contemporâneo, que combina em seu trabalho as novas tecnologias e as mensagens políticas engajadas. Preso pelas autoridades chinesas em 3 de abril de 2011, mas liberado dia 22 de junho, ele ainda está proibido de deixar o território nacional. Este documentário acompanha a trajetória política e artística deste símbolo da liberdade de expressão na China.

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”Alison Klayman” espaco=”br”]Alison Klayman[/do]

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Alison Klayman
Título Original: Ai Weiwei: Never Sorry
Gênero: Documentário
Duração: 1h 31min
Classificação etária: 16 Anos
Lançamento: 9 de agosto de 2013 (Brasil)

Comente pelo Facebook