AMANTES A DOMICÍLIO (Crítica)

AMANTES A DOMICILIO

3estrelas

Por Pedro Vieira

AMANTES A DOMICILIO03

Tendo como ponto de partida a história de um homem que se torna gigolô, “Amantes a Domicílio” (Fading Gigolo) pode enganar aqueles que acreditam que este se trate de um desses filmes que misturam erotismo e comédia. Dirigido e estrelado por John Turturro, o longa narra o que acontece após Murray (Woody Allen, em uma de suas poucas atuações fora de um filme de sua própria direção) convencer seu amigo Fioravante (Turturro) a se tornar um gigolô e sair com algumas mulheres que ele lhe arranja, para que assim os dois ganhem um bom dinheiro com isso.

Embora uma boa parte do início da narrativa se concentre em Fioravante ganhando popularidade de ótimo amante entre suas clientes, a história só ganha fôlego mesmo quando o protagonista começa a se envolver com Avigal (Vanessa Paradis), uma judia viúva que possui problemas para superar o luto. A partir daí o longa deixa de lado uma boa parte da comédia e começa a se tornar um romance, enquanto flui com maior veracidade.

É um filme bem leve, apesar do tema tratado. As cenas de sexo não tentam provocar o choque que algumas produções atuais buscam – de forma que o máximo que se vê é mulheres com lingeries sensuais – e são filmadas de forma tão ágil e cortadas por momentos cômicos, que ganham um ar de romance juvenil – isso quando essas cenas são mostradas, já que o emprego da elipse é corriqueiro. Deste modo, vale a comparação feita pela personagem de Sharon Stone ao se encontrar com Fioravante pela primeira vez, dizendo que tudo aquilo lhe lembra a época de colegial, pois de fato, mesmo o sexo sendo tratado de forma madura, as sequências em que ele aparece podem ganhar um ar quase “pueril” ao serem comparadas com tudo o que vem sendo feito com o tema no cinema atual.

AMANTES A DOMICILIO02

Mas elas se encaixam bem no clima do filme, que se em algum momento fica mais intenso, é por causa do relacionamento de Fioravante com Avigal, e do fato da moça sofrer com as pressões impostas por sua religião. Vale dizer que Paradis e Turturro possuem uma boa química, o que dá uma maior vivacidade aos dois personagens. O ator também demonstrar ter ótima dinâmica com seu companheiro Woody Allen, que por sua vez acaba servindo de alívio cômico ao incorporar com naturalidade um homem neurótico com a situação ao seu redor, ou seja, basicamente o personagem que Allen interpreta (ou dá vida a partir de outros atores) nos filmes que dirige.

Entretanto, o filme tem um grande problema com o modo como trata algumas “minorias”, como os negros e os judeus, que parecem estereotipados e pouco naturais. Salvam-se as mulheres, já que todas elas estão à procura de uma coisa: liberdade. As mulheres aqui querem ser livres para ir e vir, e esta busca pode bater de frente com alguns objetivos mais “imaturos”, como o prazer sexual, ou com maneiras de quebrar com certas regras da sociedade – novamente é colocado em evidência o caso de Avigal, que desafia os costumes impostos pelo seu povo.

O desfecho da narrativa pode ser um pouco inverossímil e forçado, mas Turturro consegue trazer um filme agradável de se ver, principalmente para aqueles que buscam apenas um romance despretensioso.

AMANTES A DOMICILIO01

SINOPSE

Murray (Woody Allen), dono de uma livraria em Nova York, resolve convencer seu amigo Fiorante (John Turturro), um tímido vendedor de flores, a virar um Don Juan profissional. Os dois acabam envolvendo-se em diversas confusões amorosas e financeiras.

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”John Turturro” espaco=”br”]John Turturro[/do]

FICHA TÉCNICA

Roteiro: John Turturro
Título Original: Fading Gigolo
Gênero: Comedia
Duração: 1h 30min
Ano de lançamento: 2014
Classificação etária: 14 Anos

TRAILER

Comente pelo Facebook

1 Comentário

  1. Guenia Bunchaft

    Muito interessante ver que existe prostituição masculina tanto como a feminina, só que essa é feita menos às claras. Mas o problema das mulheres que buscam um parceiro sexual pago é que não conseguem separar sexo de afetividade como os homens conseguem quando procuram prostitutas. E desde o início isso fica claro na relação que se estabelece entre Fioravante e a judia e viúva Avigal, por quem ele se apaixona, mas que já tem um homem interessado nela na própria comunidade judaica e a quem ela dá preferência ao final do filme, em detrimento do amante.
    Guenia Bunchaft
    http://www.sospesquisaerorschach.com.br