CAPITÃO AMÉRICA: O PRIMEIRO VINGADOR (Crítica)

CAPITAO AMERICA O PRIMEIRO VINGADOR

3estrelas

Por Kadu Silva

Filme mediano para uma grande história

CAPITAO AMERICA O PRIMEIRO VINGADOR02

Nunca fui leitor dos quadrinhos de Capitão América, mas, ainda assim, posso afirmar que conheço a história desse vingador, o que contribuiu para aumentar minha ansiedade em relação à estreia do filme. Aguardei com entusiasmo; ainda mais depois de conferir o trailer e todo o material de divulgação. Infelizmente, o filme não foi capaz de suprir totalmente minhas expectativas.

A frustração começou pelo roteiro, que optou por apresentar o herói de maneira muito didática, deixando de lado sutilezas que poderiam enobrecer o longa-metragem. O uso excessivo de diálogos, na tentativa de oferecer ao público um humor simplório, ao melhor estilo de comédia pastelão, foi, em análise geral, um erro, pois as situações em que foi utilizado esse recurso não tinham, de longe, espaço para isso, beirando, assim, o ridículo.

Tecnicamente o filme também apresenta falhas que há tempos não via em longas de Hollywood. Os efeitos visuais são fracos, ficando nítida a sua produção computadorizada. Para quem já tem o olho treinado é uma bomba. Um filme dessa magnitude e relevância ter um erro assim, tão crasso. Não faz sentido.

Mas para os fãs, aqueles que acompanharam toda a evolução do garoto esquelético ao supersoldado, o filme pode trazer uma boa experiência, pois parece que a história foi bem contada, com as referencias retrôs e todo o universo do período em que o quadrinho foi criado; mérito para a direção de arte, que realiza um excelente trabalho, levando-nos para os anos 40, palco da 2ª Guerra Mundial.

CAPITAO AMERICA O PRIMEIRO VINGADOR01

Além disso, alguns personagens são muito bem construídos, como o vilão Caveira Vermelha que chega a roubar a cena em muitos momentos. O elenco, de forma geral, está em sintonia e demonstra um entrosamento durante o longo filme, de quase 3 horas. A exceção fica por conta do papel principal. Chris Evans, em minha opinião, foi uma escolha equivocada para viver o herói americano, uma vez que não consegue passar emoção e, principalmente, incorporar a força que o papel pede, sendo outra decepção na película.

O diretor Joe Johnston se vale de referências claras de Bastardos Inglórios, de Tarantino, tanto nas passagens da luta com os nazistas, como em diálogos verborrágicos, oferecendo um charme extra, mas que não compensa, nem minimiza o peso, aos mais atentos, do grande número de erros.

O Ccine recomenda o filme, apesar dos já citados equívocos, já que o longa tem qualidade para prender a atenção do espectador, do começo ao fim, conseguindo apresentar o Vingador, e deixando um certo gostinho pelo próximo filme que deve chegar nos cinemas em 2012, após um ótimo desfecho.

CAPITAO AMERICA O PRIMEIRO VINGADOR03

DESTAQUES

O primeiro ponto a ser destacado é o ótimo material de divulgação do filme, do excelente trailer aos maravilhosos cartazes; alguns dos cartazes produzidos usam o mesmo modo de criação dos anos 40, feitos à mão.

Outro destaque vai para o Cinemark do shopping Eldorado, que apresentou, de forma perfeita a cena extra, acendendo as luzes durante os créditos para quem queria ir embora e apagando, também no momento exato, para delírio de quem ficou e viu que poderemos esperar um excelente filme para Os Vingadores, haja vista a notável qualidade do elenco que vem aí. Agora é esperar para conferir e torcer para que a próxima produção supere as expectativas, que, ao menos da minha parte, já são grandes.

SINOPSE

2ª Guerra Mundial. Steve Rogers (Chris Evans) é um jovem que aceitou ser voluntário em uma série de experiências que visam criar o supersoldado americano. Os militares conseguem transformá-lo em uma arma humana, mas logo percebem que o supersoldado é valioso demais para pôr em risco na luta contra os nazistas. Desta forma, Rogers é usado como uma celebridade do exército, marcando presença em paradas realizadas pela Europa no intuito de levantar a estima dos combatentes. Para tanto passa a usar uma vestimenta com as cores da bandeira dos Estados Unidos, azul, branca e vermelha. Só que um plano nazista faz com que Rogers entre em ação e assuma a alcunha de Capitão América, usando seus dons para combatê-los em plenas trincheiras da guerra.

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”Joe Johnston” espaco=”br”]Joe Johnston[/do]

FICHA TÉCNICA

Título Original: Captain America: The First Avenger
Gênero: Aventura
Duração: 2 hr 4min
Ano de lançamento no Brasil: 2011
Site oficial: http://captainamerica.marvel.com

TRAILER

Comente pelo Facebook