Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível (Crítica)

Kadu Silva

Um típico conto infantil

Depois do sucesso A Bela e a Fera, a Disney continua fazendo versões live-action de clássicas animações, o da vez é o conto do ursinho Pooh, a única diferença é que dessa vez o filme não é um remake e sim uma continuação do conto do inglês Alan Alexander Milne.

Christopher Robin (Ewan McGregor) é agora um homem casado e pai de uma filha, o encanto lúdico que o acompanhou durante a infância se perdeu para o corre-corre do dia-a-dia, fato esse que o tornou um homem perdido, chato e sem tempo para a família, mas seus amigos de pelúcia da infância aparecem para trazer de volta ao coração de Robin aquele ar amável e divertido de outrora.

O roteiro de Alex Ross Perry (Rainha do mundo) e Allison Shroeder (Estrelas além do tempo) usa o formato clássico de uma aventura infantil, eles desenvolvem um grande conflito envolvendo o protagonista e os desafios para que ele encontro o caminho até um final feliz. E toda essa trama é através de um texto assumidamente infantil.

Christopher Robin - Um Reencontro Inesquecível (Crítica)

O que chama atenção é o resultado dos efeitos visuais que o filme apresenta, tanto pela qualidade das pelúcias, como a interação com os atores reais, tudo soa orgânico, ao ponto que em determinado momento da narrativa nós embarcamos no universo fantástico proposto pela obra.

O diretor alemão Marc Forster (Guerra Mundial Z), soube dosar bem a inocência, doçura, humor e o carisma dos personagens como “arma” para envolver a plateia, algo que ele já tinha usando muito bem no filme O Caçador de Pipas.

Se tiver algo negativo para apontar sobre a obra é que diferente dos outros filmes live-action da Disney que conseguiram trazer nostalgia para os mais velhos, esse (infelizmente) não acerta nesse quesito, como já foi dito, o texto infantilizado pode tornar a trama difícil de agradar um publico mais amplo. Sem contar que o longa apresenta uma lição de moral, estilo autoajuda, que pode não agradar a alguns.

Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível é um respiro de inocente para apresentar as crianças, que certamente irão se encantar com as pelúcias falantes, já para os adultos o filme pode trazer reflexões sobre a forma como se lida com a vida, já que todos os personagens e ícones são representações do que um homem adulto vive no seu processo de autodescoberta.

Pôster de divulgação: Christopher Robin - Um Reencontro Inesquecível

Pôster de divulgação: Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível

SINOPSE

Christopher Robin (Ewan McGregor) já não é mais aquele jovem garoto que adorava embarcar em aventuras ao lado de Ursinho Pooh e outros adoráveis animais no Bosque dos 100 Acres. Agora um homem de negócios, ele cresceu e perdeu o rumo de sua vida, mas seus amigos de infância decidem embarcar no mundo real para ajudá-lo a se lembrar que aquele amável e divertido menino ainda existe em algum lugar.

DIREÇÃO

 Marc Forster

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Alex Ross Perry, Allison Shroeder
Título Original: Christopher Robin
Gênero: Aventura
Duração: 1h 44min
Classificação etária: Livre
Lançamento: 16 de agosto de 2018 (Brasil)

Comente pelo Facebook