DIÁRIO DE UM BANANA: CAINDO NA ESTRADA (Crítica)

Kadu Silva

Besteirol americano para crianças

Depois dos três primeiros filmes da franquia Diário de um Banana trazer como protagonista Zachary Gordon (Surpresas do Amor), a Fox resolveu mudar todo o elenco para nova aventura de Greg, isso porque Gordon cresceu e não teria como continuar no papel, mas o curioso e que espantosamente foi encontrado um ator muito parecido com ele, o Jason Ian Drucker (Escola de Espiões) na aparência e no carisma meio atrapalhado.

Drucker convence a família a ir para a festa de 90 anos de sua avó de carro, tudo porque Greg quer chegar numa convenção de gamers que acontece perto de lá, e assim conseguir um vídeo com um youtuber famoso e “limpar” a imagem ruim que um meme que viralizou na internet causou a ele.

O roteiro do também diretor David Bowers dos dois filmes anteriores, mantém o formato humor pastelão com mensagem família, a diferença dessa obra é que é um road movie, que infelizmente usa todos os clichês possíveis desse formato, ainda assim, consegue ser envolvente e bem engraçado, claro que isso ganha força de acordo com sua idade, já que o filme é totalmente direcionado para o público infanto-juvenil.

É interessante que mesmo não sendo o grande foco na trama, Bowers consegue inserir mensagens de reflexão para o espectador, principalmente sobre o uso da tecnologia de forma exagerada na sociedade atual. A mãe vivida pela saudosa Alicia Silverstone (As Patricinhas de Beverly Hills) tenta limitar o uso do celular para que a família possa curtir mais um ao outro, e isso inclui o marido vivido por Tom Everett Scott (La La Land: Cantando Estações).

O elenco funciona bem para a proposta da produção, rostos típicos da tradicional família branca classe média americana que vive entrando em confusão com o único objetivo de ser feliz, algo que Hollywood adora vender para o mundo e mesmo para seus compatriotas.

Ainda merece menção a trilha sonora pop que ajuda na narrativa padrão desse tipo de produção, destaque para Wannabe das Spice Girls que aparece em dois momentos pontuais.

Diário de um Banana: Caindo na Estrada é mais do mesmo, ainda que consiga fazer o que promete, que é entreter com diversão mesmo com todos os atores mudados.

Pôster de divulgação: DIÁRIO DE UM BANANA: CAINDO NA ESTRADA

Pôster de divulgação: DIÁRIO DE UM BANANA: CAINDO NA ESTRADA

SINOPSE

Greg (Jason Drucker) convence sua família a embarcar numa viagem para ir ao aniversário de 90 anos de sua avó. Mas, na verdade, o que ele realmente quer é assistir a uma convenção de gamers. Sem surpresas, as coisas não vão de acordo com o planejado e as palhaçadas da família Heffley começam a acontecer.

DIREÇÃO

  • David Bowers David Bowers

  • FICHA TÉCNICA

    Roteiro: David Bowers
    Título Original: Diary Of A Wimpy Kid: The Long Haul
    Gênero: Comédia
    Duração: 2h 22min
    Classificação etária: Livre
    Lançamento: 10 de agosto de 2017 (Brasil)

    Comente pelo Facebook