Segunda

Por Davi Gonçalves

Apesar de ser um evento triste na história mundial, não há dúvidas de que a Segunda Guerra Mundial inspirou vários artistas na construção de obras memoráveis. No cinema, não foi diferente. Vários cineastas mostraram sua visão sobre os horrores da guerra, criando obras que são até hoje lembradas e admiradas por nós, cinéfilos de plantão.

Nós, do CCine10, decidimos listar aqui algumas produções do cinema que abordaram a Segunda Guerra Mundial. Confira os títulos (os filmes estão em ordem cronológica):

CASABLANCA (Casablanca, 1942, Michael Curtiz)

CASABLANCA1

Baseado em uma peça teatral (Everybody Comes to Rick’s, de Murray Burnett e Joan Alison), não é preciso entender muito de cinema para saber que Casablanca é considerado um dos maiores filmes de todos os tempos. Casablanca (no Marrocos) é rota obrigatória para aqueles que querem fugir dos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial. Lá, Rick reencontra Ilsa, uma grande paixão de outrora – quando vivera em Paris – que, agora casada, precisa da ajuda de Rick escapar do local ao lado do marido.

A PONTE DO RIO KWAI (The Bridge on the River Kwai, 1957, David Lean)

A PONTE DO RIO KWAI

Durante a Segunda Guerra Mundial, um grupo de soldados ingleses é aprisionado em um campo de concentração japonês. Lá, esse grupo é recrutado para a construção de uma ponte sobre o rio Kwai. Enquanto o coronel inglês Nicholson planeja a construção da ponte como forma de demonstrar a supremacia britânica, um soldado norte-americano luta pela destruição da ponte.

HIROSHIMA MEU AMOR (Hiroshima, Mon Amour, 1959, Alain Resnais)

HIROSHIMA MEU AMOR

Um dos marcos do cinema francês, Hiroshima Mon Amour conta a história de uma mulher que vai a Hiroshima para participar das gravações de um filme sobre a paz. Lá, ela conhece e se apaixona por um arquiteto japonês – enquanto revive as lembranças de uma paixão durante a ocupação nazista. O filme ainda é protagonizado pela atriz Emmanuelle Riva – uma das maiores divas francesas de todos os tempos.

A LISTA DE SCHINDLER (The Schindler’s List, 1993, Steven Spielberg)

A LISTA DE SCHINDLER

Vencedor de 7 prêmios Oscar (incluindo melhor filme e direção), A Lista de Schindler recria a trajetória real de Oskar Schindler, empresário alemão que durante o Holocausto salvou vida de mais de mil judeus (entre homens, mulheres e crianças), empregando-os em sua fábrica e abdicando praticamente de toda a sua fortuna em plena luta contra o movimento nazista. Ao longo de mais de 3 horas de duração, A Lista de Schindler foi considerado, em 2007, como o oitavo melhor filme norte-americano da história.

A VIDA É BELA (La Vitta è Bella, 1997, Roberto Benigni)

A VIDA E BELA

Prepare os lenços e o coração! A Vida é Bela é produção italiana da lista, que segue o judeu Guido (Roberto Benigni), que é enviado para um campo de concentração nazista juntamente com seu filho Giosué. Guido faz a criança acreditar que estão participando de uma espécie de jogo, poupando o filho dos horrores e sofrimentos da guerra. O filme foi vencedor de 3 prêmios Oscar, incluindo melhor filme estrangeiro e melhor ator para o incrível Roberto Benigni.

ALÉM DA LINHA VERMELHA (The Thin Red Line, 1998, Terrence Malick)

ALEM DA LINHA VERMELHA

Produção do recruto e cultuado Terrence Malick (de Terra de Ninguém e A Árvore da Vida), Além da Linha Vermelha recria os fortes laços de amizade e amor desenvolvidos em meio ao terror e desespero de um grupo de jovens soldados enviados para a batalha de Guadalcanal. O filme, que recebeu boas críticas na época de lançamento, marcou também o retorno de Malick a direção de filmes 20 anos após seu último filme, Cinzas no Paraíso.

O RESGATE DO SOLDADO RYAN (Saving Private Ryan, 1998, Steven Spielberg)

O RESGATE DO SOLDADO RYAN

Mais um filme de Spielberg a tratar sobre os horrores da guerra, O Resgate do Soldado Ryan é o drama sobre o resgate do último dos quatro irmãos da família Ryan. O capitão John Miller (novo bom amigo Tom Hanks) é o designado para a missão de descobrir onde o Ryan está e retira-lo do conflito – mas para isso, John e seu grupo terá de enfrentar os soldados inimigos e também seus próprios medos.

PEARL HARBOR (Pearl Harbor, 2001, Michael Bay)

PEARL HARBOR

Pearl Harbor recria o ataque japonês à base militar norte-americana em Pearl Harbor, em dezembro de 1941, focando a relação de dois amigos de infância que se alistam no exército como pilotos de caça. O fato, que afetou milhares de vida ao redor do mundo, foi o estopim para a entrada definitiva dos EUA na Segunda Guerra Mundial.

O PIANISTA (The Pianist, 2002, Roman Polanski)

O PIANISTA

Um dos filmes mais cultuados de Roman Polanski, O Pianista retrata o drama real do musicista polonês Wladyslaw Szpilman, que tenta sobreviver à Segunda Guerra Mundial, escondendo-se dos nazistas e sobrevivendo com a ajuda de amigos. O filme recria o surgimento do Gueto de Varsóvia – quando os alemães construíam muros para limitar a presença dos judeus a determinadas áreas. O filme também uma espécie de autobiografia do próprio Polanski que, quando criança, vivenciou e sobreviveu ao Holocausto. Muitos anos mais tarde, Polanski seria premiado com o Oscar de melhor diretor por seu trabalho neste filme.

A QUEDA – AS ÚLTIAS HORAS DE HITLER (Der Untergang, 2004, Oliver Hirschbiegel)

A QUEDA

Produção alemã, italiana e austríaca, A Queda – As Últimas Horas de Hitler acompanha, como o próprio titulo sugere, os últimos dias de vida do líder Adolf Hitler, em 1945. Com algumas cenas que viraram paródia na internet (pois é, né?), o filme recebeu uma indicação ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2005 – perdendo a estatueta para Mar Adentro, de Alejandro Amenábar.

O LEITOR (The Reader, 2008, Stephen Daldry)

O LEITOR

O Leitor traz a história de Michael Berg, advogado alemão que mantém um caso com uma mulher mais velha, Hanna Schimitz, em um período da década de 50 – até que Hanna some misteriosamente. Anos mais tarde, Michael reencontra Hanna – agora, no banco de réus de um tribunal alemão, sendo acusada de ser a responsável pela morte de vários judeus durante a Segunda Guerra Mundial. No entanto, Michael sabe que Hanna possui um segredo que pode inocenta-la, mudando completamente os rumos do processo.

BASTARDOS INGLÓRIOS (Inglourious Basterds, 2009, Quentin Tarantino)

BASTARDOS INGLORIOS

Ah Tarantino… Apesar de ser parcialmente uma ficção, Bastardos Inglórios é dos filmes mais aclamados de todos os tempos. Escrito e dirigido por Tarantino, o filme conta a história de um grupo de soldados norte-americanos infiltrados na França com a missão de exterminar soldados das tropas alemãs. Paralelamente, é contada também a história de Shosanna, uma judia que pretende se vingar dos soldados nazistas após o extermínio de sua família. Repleto de personagens sanguinolentos e cenas memoráveis (tem até Brad Pitt com sotaque caipira, veja você…), Bastardos Inglórios é a versão ficcional de Tarantino para a Segunda Guerra Mundial.

Gostou da nossa lista?! Sentiu falta de algum filme? Contribua com o nosso site indicando filmes que poderiam compor uma segunda lista. 



11 comentários
Por Kadu Silva em 13.11.2013






11 comentários
  1. Sérgio 20 novembro 2013 às 00:41

    De todos citados só não vi HIROSHIMA MEU AMOR…Os outros são sensacionais!! nem da pra escolher o melhor.

    Pra segunda lista eu te indicaria: Cross Of Iron (cruz de ferro), Os Falsários, Cartas de Iwo Jima, Os canhões de Navarone,Tora! Tora! Tora!,Stalingrad,Círculo de Fogo e O Menino do Pijama Listrado…

    Dessa lista assisti a todos e na minha opnião fora

    Responder



  2. Sérgio 20 novembro 2013 às 00:45

    Cross Of Iron tive oportunidade de ver por 2 vezes, sempre em partes, nunca conseguir pegar ele completo!

    se alguém puder me ajudar a achar ele On Line sem precisar baixar eu agradeço!

    Muita boa postagens sobres os filmes da SGM,Parabéns pelo Blog..

    Responder



  3. Tarantino 20 novembro 2013 às 06:56

    Bastardos Inglórios, apesar de ter personagens como Hitler e relatar a existência de grupos justiceiros (o que realmente existiu) , se passa numa fictíca segunda guerra mundial onde nada do que acontece no filme foi real. Não teve sessão de cinema em Paris, não fuzilaram Hitler, nada daquilo. É um filme que eu não definiria como de abordagem à 2a. GM. Mas de ficção!

    Responder



  4. Brigitte 20 novembro 2013 às 15:02

    Faltou o “Entre Inimigos” um filme sensacional com um final surpreendente !! Muito boom mesmo, eu recomendo !

    Responder



  5. Pedro Callado 20 novembro 2013 às 17:11

    Lista com filmes excelentes!

    Com exceção de um, Pearl Harbor. Pelamordedeus, Michael Bay não dá.

    E concordo com o que disseram aí sobre o Bastardos Inglórios, o filme é excelente, mas não dá para considerar como um material verídico sobre a guerra…

    Responder



  6. Daniel 20 novembro 2013 às 17:19

    Pearl Harbor nessa lista só pode ser brincadeira.

    Responder



  7. Juca 20 novembro 2013 às 21:35

    O Mais Longo dos Dias é um filme espetacular sobre a segunda grande guerra! Na minha opinião o melhor sobre o tema! Vale a pena!!!

    Responder



  8. Klaus Duus 20 novembro 2013 às 22:12

    Concordo com o Juca, e aproveito para lembrar de outro filme que mostra o ponto de vista dos alemães, Das Boat, ou O Barco. E acho muito legais os filmes em submarinos.

    Abs

    Responder



  9. bee 7 março 2014 às 20:51

    Precisava de “O túmulo dos vagalumes”. É um filme de animação que conta a história de duas crianças em meio a segunda guerra, é um filme incrível.

    Responder



  10. Rodrigo 25 março 2014 às 19:54

    Operação Valquíria

    Responder



  11. Rodrigo 25 março 2014 às 19:55

    Operação Valquíria e Círculo de Fogo.

    Responder




Deixe seu comentário