NOÉ (Crítica)

Noe

4estrelas

Por Victor Piacenti

Noe01

Noé é um pai de família batalhador, guerreiro, filho desse chão, que passa boa parte do seu dia tentando fazer melhor a vida dos seus entes queridos. Um belo dia nosso queridão começa a ter sonhos bizarros que anunciam o fim do mundo e passa acreditar que o Criador está dando uma mensagem para ele. Essa mensagem é simples, Noé tem que construir algo que possa abrigar todas as almas puras para o mundo poder ser refeito. Começa então a jornada do nosso herói para salvar todos que ele ama não só do apocalipse, mas também do nosso maior inimigo… o ser humano. *BOOM*

Fazer um filme bíblico pode ser uma tarefa muito arriscada pelos seguintes motivos: fanáticos religiosos que vão criticar a obra por detalhes serem deixados de lado e pelos céticos de plantão que vão ridicularizar e questionar tudo que foi mostrado. Darren Aronofski (o diretor de Cisne Negro, ok?) tinha uma bomba de destruição nuclear em mãos e resolveu peitar todo mundo produzindo esse filme. O resultado é o que pudemos ver logo no trailer: uma super produção Hollywoodiana com efeitos incríveis, elenco de rostos conhecidos, muita destruição, caos.. e óbvio, o jeitinho Aronofski de se fazer um filme. É tensão, ação e emoção na medida certa. O QUE FOI AQUELA CENA DO DILÚVIO, GENTE? EU FIQUEI IMPRESSIONADO, JOGADO NO CHÃO, COM O QUÃO BEM FEITA ELA FOI! (Desculpa o caps lock, mas vocês vão me entender.)

Noe03

‘Noé’ é um filme MUITO bom, serei direto. Confesso que no começo eu estava achando tudo meio chato, mas depois a coisa melhora.. e muito. O elenco está dando conta do recado e o roteiro, mesmo sendo arrastado no começo, consegue dar uma boa engrenada e prender o público, além dos efeitos que dispensam comentários. É tudo muito bem feito, o dilúvio, os animais entrando na arca.. a fotografia está incrível e é tudo muito bonito de se ver. Claro que tudo isso é graças a ótima direção do Darren, que mistura o caos e a tensão em um nível absurdo. É impressionante como esse cara sabe estabelecer um clima de suspense no ar, principalmente nos minutos finais, que foram ótimos diga-se de passagem. A cada minuto era uma situação nova e isso deixa o filme muito mais interessante de ser visto. Afinal, você vai ver que a história de Noé não é somente sobre a construção da arca, é ai que entra o estilo Darren Aronofski de se fazer um filme. Lembram da loucura e claustrofobia de Cisne Negro? Então, aqui rola um lance mais ou menos parecido 😉

É um daqueles típicos filmes que você ama ou odeia, sabe? Ele conta uma história que todo mundo já ouviu falar, sendo religioso ou não, e que todo mundo sabe identificar. Achei a maneira como ela é contada é extremamente satisfatória pois não fica presa em religião e em nenhum momento ele fica tentando te convencer disso. Óbvio que é um filme BÍBLICO e ele se ateve aos fatos e a crença da origem da história.. portanto, acho que vale a pena abrir um pouco a mente e embarcar na história, que é beeeeem legal e vai ficando cada vez mais interessante, principalmente depois que vem o dilúvio… ai sim o filme fica insano 😉

‘Noé’ é um filme que me agradou bastante. Seja como filme bíblico, seja como diversão.. não importa, eu gostei demais e acho super válido o ingresso, principalmente se for em IMAX 3D. Vale como desafio tentar não cantar ‘os animaizinhos subiram de dois em dois’ enquanto os animais entram na arca, ok? 🙂

Noe02

SINOPSE

Noé (Russell Crowe) vive com a esposa Naameh (Jennifer Connelly) e os filhos Sem (Douglas Booth), Cam (Logan Lerman) e Jafé (Leo McHugh Carroll) em uma terra desolada, onde os homens perseguem e matam uns aos outros. Um dia, Noé recebe uma mensagem do Criador de que deve encontrar Matusalém (Anthony Hopkins). Durante o percurso ele acaba salvando a vida da jovem Ila (Emma Watson), que tem um ferimento grave na barriga. Ao encontrar Matusalém, Noé descobre que ele tem a tarefa de construir uma imensa arca, que abrigará os animais durante um dilúvio que acabará com a vida na Terra, de forma a que a visão do Criador possa ser, enfim, resgatada.

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”Darren Aronofsky” espaco=”br”]Darren Aronofsky[/do]

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Darren Aronofsky e Ari Handel
Título Original: Noah
Gênero: Aventura
Duração: 2h 18min
Ano de lançamento: 2014
Classificação etária: 12 Anos

TRAILER

Comente pelo Facebook

3 Comentários

  1. Leonardo

    De que adianta ser um filme bem feito e cheio de ação e cenas legais se foge completamente à mensagem da Bíblia? Dizendo de outro modo, é uma história da Bíblia e deveria ter sido respeitada a história original. Entende? Não é qualquer história, não é uma ficção que se pode alterar do jeito que se quiser, pois estamos falando da Bíblia, que para quem crê é a própria palavra de Deus entregue aos homens. Aliás, o próprio trailer engana bem direitinho, pois quando ele fala que não está sozinho pensamos que estar a falar de Deus, mas que infeliz surpresa quando sabemos que se trata da heresia dessa invenção ridicula desses anjos caídos que ele inventou.

    • Marcio

      Você realmente acredita que essa “história” é verdadeira? Mais da metade da bíblia são parábolas e interpretações erradas pelos ignorantes de 2.000 atrás.

  2. victor

    Estou vendo muitos filmes atualmente, e por isso vejo muitos filmes ruins. Mas não quero mais ver filmes ruins, então decidi pesquisar site de críticas para me aconselhar quais filmes ver. E meu critério vai ser: O Site que disser que Noé é um filme ruim, eu seguirei. É a base de todo meu conhecimento e gosto de filmes, Noé é um filme ruim. Mas por quê? Porquê é um filme que tem potencial, apenas o roteiro original de Noé já é bom, colocam dinheiro pra fazer um filme, bom elenco, tem que dar uma coisa boa. E não dá. A construção da arca e o “recolhimento” dos animas são muito mal utilizados. A parte de matar a neta ou não é a principal coisa do filme e é muito fraca.
    Bom, mas filme é gosto. Temos gosto diferente, então não seguirei acompanhando, porquê o gosto não bate. Mas o site, como site, é muito bom.