QUARTETO FANTÁSTICO (Crítica)

QUARTETO FANTASTICO

1estrela

Por Carlos Pedroso

QUARTETO FANTASTICO02

Não por menos a Fox ter mantido o novo reboot do Quarteto Fantástico longe dos críticos e do próprio elenco até o último momento. Resultado do que se espera de um capricho hollywoodiano da Fox em produzir por conta própria uma nova saga de uma produção que já não tinha dado muito certo quando lançada dez anos atrás (eu particularmente adoro os dois filmes anteriores), para não perder os direitos que detém da HQ, ao apostar numa nova tentativa de recontar a origem de um dos primeiros sucessos de Stan Lee e Jack Kirby, o reboot apenas induz à completa decepção de ver um bom elenco e uma segunda chance de fazer algo diferente desperdiçados.

QUARTETO FANTASTICO01

O Todd McCarthy, do Hollywood Reporter, chegou a comentar que o filme parece um trailer de 100 minutos, pois nada de fato acontece nele. O suposto equilíbrio que Josh Trank tenta exprimir duma narrativa que mistura o teor autoral de Poder Sem Limites com um budget mais gordo só torna questionável, a medida que a narrativa se desenvolve prum desfecho sem clímax nenhum, o quanto ninguém sabe o que está fazendo na tela (ou atrás dela). Um roteiro cheio de furos e diálogos constrangedores sobre salvar o planeta terra dão ainda o tom de uma produção desarmoniosa e completamente pobre em detalhes cinéfilos, que só me levam a crer que esse reboot não devia nem ter saído do papel. É daquelas coisas que fazem qualquer indivíduo minimamente interessado com o curso do cinema hollywoodiano estadunidense ficar irritado com a falta do bom senso em aprovarem uma produção como essa de ser exibida nos cinemas do mundo todo (daí venha o motivo da Fox ter poupado o próprio elenco do fiasco que eles protagonizam, talvez).

Sem um pingo do carisma e entrosamento entre o elenco como nos filmes anteriores, ou qualquer preocupação em entreter a audiência e seu público alvo (que é o mínimo que se espera de um reboot), esse novo Quarteto Fantástico já pode entrar para aquela lista de momentos constrangedores e sem criatividade de Hollywood que a gente faz questão de esquecer logo após a sessão.

QUARTETO FANTASTICO03

SINOPSE

Quatro adolescentes são conhecidos pela inteligência e pelas dificuldades de inserção social. Juntos, são enviados a uma missão perigosa em uma dimensão alternativa. Quando os planos falham, eles retornam à Terra com sérias alterações corporais. Munidos desses poderes especiais, eles se tornam o Senhor Fantástico (Miles Teller), a Mulher Invisível (Kate Mara), o Tocha Humana (Michael B. Jordan) e o Coisa (Jamie Bell). O grupo se une para proteger a humanidade do ataque do Doutor Destino (Toby Kebbell).

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”Josh Trank” espaco=”br”]Josh Trank[/do]

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Simon Kinberg, Josh Trank, Jeremy Slater
Título Original: The Fantastic Four
Gênero: Ação , Fantasia
Duração: 1h 46min
Ano de lançamento: 2015
Classificação etária: 10 Anos

TRAILER

Comente pelo Facebook