TOP 10 – MELHORES FILMES DE ROBIN WILLIAMS

ROBIN WILLIAMS

Por Davi Gonçalves

Nesta semana, o mundo foi pego de surpresa com a morte de um dos mais queridos e talentosos atores do cinema mundial: Robin Williams, um veterano das telonas que nos deixou, aos 63 anos de idade.

Robin foi um dos artistas mais icônicos do mundo cinematográfico, com um talento particular para divertir e comover o público com suas atuações inspiradas. Apesar de suas inúmeras performances em filmes de comédia, Robin também participou de dramas fortes, mostrando sua versatilidade em inúmeros gêneros.

Para homenagear este grande profissional, o CCine10 listou a seguir os 10 melhores filmes do ator – uma tarefa dificílima, considerando a extensa filmografia de Robin, assim como a qualidade das produções em que participou e que, de certa forma, ficarão na lembrança de várias gerações.

SOCIEDADE DOS POETAS MORTOS (Peter Weir, 1989)

SOCIEDADE DOS POETAS MORTOS

Um clássico cinematográfico, Sociedade dos Poetas Mortos é, para muitos, o filme mais marcante de Williams – que aqui vive John Keating, um professor que desperta em seus alunos o interesse pela poesia e pela arte, bem como a rebelião às convenções sociais da época.

TEMPO DE DESPERTAR (Penny Marshall, 1990)

TEMPO DE DESPERTAR

Em Tempo de Despertar, Robin Williams é um neurologista que consegue emprego em um hospital psiquiátrico, onde encontra vários pacientes em estado caótico. Após algumas pesquisas, o médico descobre que um remédio destinado ao tratamento do mal de Parkinson pode ajudar seus pacientes.

O PESCADOR DE ILUSÕES (Terry Gilliam, 1991)

O PESCADOR DE ILUSOES

Por sua atuação em O Pescador de Ilusões (dirigido por Terry Gilliam, em excelente forma), Williams conseguiu uma indicação ao Oscar de melhor coadjuvante, no papel de Parry, um ex-professor de história que se transformou em um mendigo, acreditando viver em um mundo imaginário.

ALADDIN (John Musker e Ron Clements, 1992)

ALADDIN

Sabe o Gênio maluco que transforma para sempre a trajetória do pobre Aladdin? Repare em suas feições – e constate que o jeito bonachão do ser azulado só poderia ser de Robin Williams, que emprestou sua voz a um dos personagens mais amados do universo de Walt Disney.

UMA BABÁ QUASE PERFEITA (Chris Columbus, 1993)

UMA BABA QUASE PERFEITA

Talvez um dos filmes mais aclamados e conhecidos do ator, Uma Babá Quase Perfeita conta a história de um homem que se disfarça de mulher para trabalhar como babá na casa da ex-esposa, apenas para ficar mais próximos dos filhos.

JUMANJI (Joe Johnston, 1995)

JUMANJI

Está aí um filme que marcou a infância de muita gente: Jumanji, onde Robin interpreta Alan, o filho de um empresário que descobre, dentro de um baú velho, um jogo místico.

HAMLET (Kenneth Branagh, 1996)

HAMLET

A elogiada adaptação da peça de William Shakespeare dirigida por Kenneth Branagh é um dos textos mais fiéis à obra do dramaturgo inglês – e Robin Williams participa desta produção vivendo o personagem Osric.

DESCONSTRUINDO HARRY (Woody Allen, 1997)

DESCONSTRUINDO HARRY

Do excêntrico Woody Allen, Desconstruindo Harry conta a história de um escritor que utiliza fatos pessoais (que inclui até mesmo particularidades de seus amigos e parentes) como inspiração para suas obras.

GÊNIO INDOMÁVEL (Gus Van Sant, 1997)

GENIO INDOMAVEL

Filme que rendeu a Robin o Oscar de melhor coadjuvante, em Gênio Indomável o ator vive o psicólogo de um jovem conturbado e rebelde que se revela um gênio da matemática.

PATCH ADAMS – O AMOR É CONTAGIOSO (Tom Shadyac, 1998)

PATCH ADAMS

Baseado em uma história real, Patch Adams – O Amor é Contagioso acompanha a trajetória de um médico que, após uma tentativa de suicídio, descobre que pode ajudar seus pacientes, utilizando o humor como uma espécie de “remédio” para o tratamento dos doentes.

Comente pelo Facebook