TUDO POR JUSTIÇA (Crítica)

TUDO POR JUSTICA

2estrelas

Por Pedro Vieira

TUDO POR JUSTICA02

Há filmes que, por mais que possuam um roteiro cansativo e fraco, acabam por ter a sorte de atrair um bom elenco no qual se apoiar e se tornarem algo maior do que aquilo que lhes poderia ser previsto, como é o caso de “Tudo por Justiça” (Out of the Furnace), segundo filme do diretor Scott Cooper.

A história gira em torno de dois irmãos. Russel (Christian Bale) é um cara trabalhador, possui uma namorada, cuida do pai e por mais que não viva bem, sempre procura ajudar o irmão Rodney (Casey Affleck) com seus problemas financeiros. Rodney por sua vez é mais rebelde e busca outras maneiras de levar a vida.

Um dia Russel vai preso após um acidente, e assim que deixa a cadeia, descobre que o irmão está envolvido com lutas ilegais. Quando Rodney misteriosamente morre após uma luta, Russel decide ir atrás do assassino e fazer justiça com suas próprias mãos.

O desenvolvimento é lento, o que faz com que o longa fique enfadonho. Para ter uma ideia, a morte de Rodney, ponto chave do roteiro do filme, que teoricamente seria o ponto de virado do início da história, demora mais da metade da projeção para se concretizar, e para não dizer que a trama não sai do lugar, ela começa a desenvolver a relação de Russel e Rodney com outros personagens.

TUDO POR JUSTICA01

Acontece, entretanto, que algumas dessas passagens acabam por serem dispensáveis ao enredo principal. É o que acontece com o romance entre Russel e Lena (Zoe Saldana). Tudo que há entre os dois acaba assim que Russel vai para a cadeia, mas o roteiro insiste em tentar dar alguma importância a esse relacionamento morto e inconsistente. Não há nem mesmo uma rivalidade entre Russel e Wesley (Forest Whitaker), o novo namorado de Lena.

A direção também não ajuda no andamento. São vários planos dos personagens sem fala e sem ação, e que por sua vez pouco acrescentam à trama. Há tomadas interessantes na montagem da imagem, mas que se repetem tantas vezes que perdem sua faísca de criatividade.

O que acaba por chamar a atenção mesmo é a força vinda das atuações. Bale faz um Russel duro, que evidentemente passou por um inferno em vida e sabe valoriza-la. Casey Affleck, mesmo preso a um papel sem brilho, traz alguma vivacidade ao seu personagem e é apoiado pelos veteranos Woody Harrelson e Williem Dafoe, com quem contracena na maioria de suas cenas, e que mesmo em papéis coadjuvantes, não deixam de chamar a atenção.

O filme não chega a ser uma perda de tempo, na verdade, até se pode dizer que o longa é uma boa experiência, mas ainda assim fica a sensação de que ele poderia ser bem melhor se a trama não se perdesse tanto e soubesse utilizar melhor os atores premiados que tem em mãos.

TUDO POR JUSTICA03

SINOPSE

Russel (Christian Bale) e Rodney (Casey Affleck) são dois irmãos muito unidos. Russel vive com Lena (Zoe Saldanha) até se envolver em um crime e acabar atrás das grades. Após ser libertado ele recebe a noticia do assassinato do seu irmão. Agora ele deverá escolher entre sua liberdade ou seu desejo de justiça.

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”Scott Cooper” espaco=”br”]Scott Cooper[/do]

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Brad Ingelsby e Scott Cooper
Título Original: Out of the Furnace
Gênero: Thriller
Duração: 1h 57min
Ano de lançamento: 2014
Classificação etária: 16 Anos

TRAILER

Comente pelo Facebook