UM PORTO SEGURO (Crítica)

Poster Um Porto Seguro.indd

Tipicamente Nicholas Sparks

Romance açucarado, politicamente correto, valorização da família, contos de fadas da vida real, histórias utópicas e por ai vai, essas são algumas denominação que fazem nas adaptações de Nicholas Sparks para o cinema, mas penso o seguinte, quem se predispõe a ver esses filmes, sabe de suas características e gosta delas, então prefiro me atentar a história e mostrar para os fãs do escritor onde acertou ou errou na adaptação.

Dito isso, vamos ao filme. O longa conta a história de Katie (Julianne Hough) uma mulher que esconde um passado sombrio e que decide se mudar para recomeçar sua vida numa cidadezinha pequena. Lá conhece o viúvo e pai de dois filhos, Alex (Josh Duhamel), com que logo começa um romance.

Tudo corria de forma perfeita até que “seu passado” acaba aparecendo e assim transformando esse nova vida da moça em um pesadelo inesperado.

UM PORTO SEGURO02

Dana Stevens e Leslei Bohem, desenvolvem a trama de Sparks como os fãs estão acostumados, algo que parece tirado de uma conto de fadas. Tudo tem uma áurea meio lúdica de duas perfeitas pessoas que acabam se conhecendo e se apaixonando. Para os fãs mesmo achando que isso é coisa de cinema, eles gostam de ver esses romances quase intangíveis para pelo menos sonhar que um dia, quem sabe, não aconteça com eles.

O veterano diretor Lasse Hallström não apresenta nada de novo ou criativo em sua direção faz o básico apenas para apresentar para o público a história. Cumpre bem seu papel, mesmo com uso excessivo de clichês em certos momentos, no entanto isso não compromete o resultado final.

O ponto fraco fica para os diálogos que além de em alguns momentos serem didáticos, em outros colocam frases constrangedoras na boca dos personagens.

Mas o elenco sem um nome tão famoso está bem, destaque para o ótimo ator Josh Duhamel que consegue mesmo com um personagem não tão rico se destacar na trama.

UM PORTO SEGURO01

Um outro problema (que eu particularmente gostei) é no final fora do convencional que Parks escolheu para a trama. Muitos fãs podem não gostar já que ele acaba por tirar o casal perfeito da redoma do mundo perfeito e coloca-los no mundo real. Sem contar ainda que a cena final pode causar estranheza de muitas pessoas, mas se observar com cuidado vai compreender antes o que de fato acontece na trama.

A narrativa de Hallström busca romantizar ao máximo as cenas do casal, tudo para agradar em cheio o público alvo, e isso é sem dúvida um dos acertos do diretor, que deixa tudo belo e mágico entre os pombinhos. As meninas principalmente vão suspirar.

Portanto Um Porto Seguro mesmo com o final fora do tom costumeiro dos filmes de Parks é mais um que apresenta todos os elementos que os fãs estão acostumado e que mais uma vez tem tudo para agradar e emocionar quem for ver. Até eu que nem sou tão fã de filmes de romance cai nas lágrimas.

DESTAQUE

Para as belas locações que a direção de fotografia soube explorar muito bem, para deixar ainda mais belo esse romance.

UM PORTO SEGURO03

SINOPSE

Quando uma misteriosa mulher chamada Katie (Julianne Hough) se muda para a pequena cidade de Southport, Carolina do Sul, seus novos vizinhos começam a levantar questões sobre seu passado. Bela e discreta, ela evita qualquer tipo de laço pessoal com os outros habitantes da região até que conhece o charmoso Alex (Josh Duhamel), um homem gentil, viúvo e pai de dois filhos, e a sincera Jo (Cobie Smulders), que se torna sua amiga. Katie começa a se interessar por Alex e se sente cada vez mais afeiçoada a ele e sua família. Ela acaba se apaixonando mas um segredo de seu passado a impede de ser plenamente feliz.

ELENCO

[do action=”cast” descricao=”Josh Duhamel (Alex Wheatley)” espaco=”x”]Josh Duhamel[/do][do action=”cast” descricao=”Julianne Hough (Katie Feldman)” espaco=”x”]Julianne Hough[/do][do action=”cast” descricao=”Cobie Smulders (Jo)” espaco=”x”]Cobie Smulders[/do][do action=”cast” descricao=”David Lyons (Kevin Tierney)” espaco=”br”]David Lyons[/do]

DIREÇÃO

[do action=”cast” descricao=”Lasse Hallström” espaco=”br”]Lasse Hallstrom[/do]

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Dana Stevens, Leslie Bohem
Título Original: Safe Haven
Gênero: Romance
Duração: 1h 55min
Ano de lançamento: 2013
Classificação etária: 12 Anos

TRAILER

3emeio

Comente pelo Facebook

3 Comentários

  1. Adriana

    Filme excelentE maravilHoso. Vale a pena assistir

  2. Jenifer

    Eu vi ha uns anos atras e vi de novo e de novo rs, adoro Esse filme e recomendo.

  3. Fátima Bezerra

    Muito bom esse filme quando vi já estava chorando de emoção.