ZODÍACO (Crítica)

ZODIACO

5estrelas

FICHA TÉCNICA

Título Original: Zodiac
Ano do lançamento: 2007
Produção: EUA
Gênero: Suspense
Direção: David Fincher
Roteiro: James Vanderbilt
Classificação etária: 14 Anos

Sinopse: 1º de agosto de 1969. Três cartas diferentes chegam aos jornais San Francisco Chronicle, San Francisco Examiner e Vallejo Times-Herald, enviadas pelo mesmo remetente. A carta enviada ao Chronicle trazia a confissão de um assassino e as três juntas formavam um código que supostamente revelaria a identidade do criminoso. O assassino exigia que as cartas fossem publicadas, caso contrário mais pessoas morreriam. Um casal de Salinas consegue decodificar a mensagem, mas é Robert Graysmith (Jake Gyllenhaal), um tímido cartunista, quem descobre sua intenção oculta: uma referência ao filme “Zaroff, o Caçador de Vidas” (1932). Os assassinatos e as cartas se sucedem, provocando pânico na população de San Francisco.

Por Kadu Silva

ZODIACO03

David Fincher depois do bem sucedido Seven, voltou ao campo do suspense, trazendo para o espectador algo diferente. Um longa que não tem como objetivo apontar um culpado e sim mostrar como uma investigação, é capaz de mobilizar em está envolvida nela.

É interessante antes de conferir o filme, procurar um pouco sobre a história que o longa retrata, já que se trata de fatos reais. Assim o fim da trama, não vai causar desconforto.

A história é sobre um serial killer que teria, durante muitos anos matado mais de 37 pessoas em São Francisco. O assassino, além das mortes, enviava cartas para diversos veículos de comunicação, se dizendo autor dos crimes e foi neste momento que o cartunista Robert (Jake Gyllenhaal), que trabalha no San Francisco Chronicle, ao ver a primeira carta do criminoso que continua uma mensagem em código, se hipnotiza pelo caso e passou a se dedicar completamente ao caso, a ponto de deixar a vida pessoal de lado, durante suas investigações, escreveu dois livros Zodiac e Zodiac Unmasked: The Identity of Americas Most Elusive Serial Killer Revealed, que foram usado para escrever o roteiro do longa.

O roteiro de James Vanderbilt, usa da sutileza, para aos poucos ir “desvendando” informações importante sobre a trama. Um recurso que torna a experiência de assistir ao longa fascinante. No entanto, como já citei o filme, não busca encontrar culpado. Ele tem como objetivo, mostrar como uma investigação, pode mexer com os envolvidos, por este fato, muitos que irão conferir o filme, podem não se agradar do formato escolhido, por Fincher. Ainda assim, durante a narrativa, alguns suspeitos são apontados como suposto criminoso, mas como acontece até hoje, não se tem nenhuma prova sobre a autoria dos crimes. Apesar de tudo ter acontecido no final dos anos 60, há quem acredite que o Zodíaco, ainda está vivo e pode voltar a matar a qualquer momento.

ZODIACO01

O protagonista obsecado, Jake Gyllenhaal, consegue compor o personagem Robert, de forma perfeita. Não há exageros no tom, conseguimos sentir sua “necessidade” em buscar respostas para aquela charada, já que o personagem era viciado em quebra-cabeças, o que justifica seu comportamento ao longa da projeção. Apesar de uma participação modesta o sempre competente Mark Ruffalo, também se destaca no elenco, fazendo o inspetor David, numa composição primorosa. Entre os grandes nomes presentes, talvez o que decepcione é Robert Downey Jr. que faz o jornalista alcoólatra Paul, sem brilho, seu personagem, sai de cena, em determinado momento da história e infelizmente não sentimos falta de sua presença.

Além da direção e do elenco excelentes, vale ressaltar o trabalho, espetacular, da mudança de época, que surge durante a projeção do filme. Em todos os detalhes técnicos é notado a mudança década a década: figurino, cabelo, objetos cênicos, tudo perfeitamente estudado para dar veracidade ao que está sendo exibido (sem dúvida um trabalho primoroso).

Zodíaco é um suspense refinado, investigativo e que busca mostrar o lado psicológico dos participantes da investigação e não dar respostas, já que no caso estudado da história, não se tem muitas respostas e sim diversas dúvidas, que persistem até hoje.

ZODIACO02

PRÊMIOS

FESTIVAL DE CANNES
Indicação: Melhor Diretor

TRAILER

Comente pelo Facebook