O mau exemplo de Cameron Post (Crítica)

Kadu Silva

Contra a lavagem cerebral

Talvez não todos saibam, mas o “moderno” império norte-americano é formado por cidadãos extremamente conservadores, não é a toa que Trump se tornou o presidente do país. Pasme; as igrejas que dominam muito dos costumes das pequenas cidades pregam que um indivíduo ser homossexual é sinal de doença, e segundo essas instituições, elas são capazes de “curar” esses indivíduos desse mal. Essa pratica (abusiva) depois da eleição do Trump ganhou ainda mais força e essa onda conservadora acabou levando a diretora estreante em longas metragens Desiree Akhavan a adaptar o hormônio livro de Emily M. Danforth para o cinema.

Cameron Post (Chloe Grace Moretz) é essa garota que após ser flagrada pelo namorado transando com sua melhor amiga no baile de formatura é enviada pela tia para um centro religioso para que ela se submeta a “cura” da atração pelo mesmo sexo.

O mau exemplo de Cameron Post (Crítica)

O roteiro da também diretora Desiree é pautado nas situações mais esdrúxulas que essa tal pratica consiste e nisso carrega nos diálogos quase surreais sobre o que é ser homossexual e como ser livrar disso, o que acaba causando no espectador até um riso nervoso sobre os discursos que visa curar os adolescentes do local. O roteiro encontra espaço ainda para mostrar a contradição dos responsáveis do local ao tratar os internos e o perigo de tentar colocar na mente do adolescente que eles são uma espécie de aberração.

O único problema na construção dos adolescentes é associa-los ao uso de drogas o que acaba ainda que inconscientemente dando para as mentes menos evoluídas que assistirem ao longa a sensação que ser homossexual necessariamente te leva ao uso de entorpecente.

O interessante da condução de Desiree é que ela não faz uso do melodrama comum em relatos assim. Como a visão é da adolescente protagonista, o filme tem um ar jovial mesmo com o momento de repressão da personagem. E Chloe Grace Moretz (Vizinhos 2) encontra um ótimo equilíbrio para Cameron, doce, rebelde, assustada, curiosa e principalmente certeira nos momentos dramáticos.

O Mau Exemplo de Cameron Post é um filme necessário, um verdadeiro ato político contra a lavagem cerebral.

Pôster de divulgação: O mau exemplo de Cameron Post

Pôster de divulgação: O mau exemplo de Cameron Post

SINOPSE

Flagrada pelo namorado transando com a melhor amiga em pleno baile de formatura, Cameron Post (Chloe Grace Moretz) é enviada pela tia para um centro religioso que afirma curar jovens atraídos pelo mesmo sexo, mas para se submeter ou não ao suposto tratamento, a adolescente precisa antes descobrir quem é de fato.

DIREÇÃO

Desiree Akhavan Desiree Akhavan

FICHA TÉCNICA

Roteiro: Desiree Akhavan
Título Original: The Miseducation of Cameron Post
Gênero: Drama
Duração: 1h 31min
Classificação etária: 14 Anos
Lançamento: em breve (Brasil)

Comente pelo Facebook